ORGANIZAÇÃO MUNDIAL DE SAÚDE DISPONIBILIZA CID 11

Publicado em: 8 de mar, 2019

TEMPO DE LEITURA: aprox. 3 minutos

Já está na página da Organização Mundial da Saúde (OMS) a versão final da nova Classificação Estatística Internacional de Doenças e Problemas Relacionados à Saúde (CID 11).  

A OMS está disponibilizando a CID-11 finalizada para que os Estados Membros possam preparar traduções e treinar profissionais de saúde, e iniciar preparativos para a implementação.  

A nova classificação entrará em vigor em 1º de janeiro de 2022. 

Resultado de imagem para icd 11

Segundo a OMS, a CID foi revisada para acomodar as necessidades de múltiplos casos de uso e usuários, e vem com:  
 
• Melhor usabilidade – mais detalhes clínicos com menos tempo de treinamento 
• Conteúdo científico atualizado 
• Permite a codificação de todos os detalhes clínicos 
• Formato eSaúde pronto para uso em ambientes eletrônicos 
• Vinculado a outras classificações e terminologias relevantes 
• Suporte completo multilingue (traduções e saídas) 

A implementação e utilização da CID-11 fica ainda mais facilitada em face de um conjunto de ferramentas e funcionalidades, tais como codificação multilingue, pesquisa baseada em índice de classificação, ortografia e sinônimos, versões offline, entre outras.  

A 11ª versão da CID, pela primeira vez completamente eletrônica, conta com novos capítulos. Um deles sobre medicina tradicional, que nunca havia sido contemplada nesse sistema. Outro, o capítulo, sobre saúde sexual, reúne condições que antes eram categorizadas de outras formas, ou descritas de maneiras diferentes, como a incongruência de gênero, que estava incluída em condições de saúde mental. 

Novidade também é a identificação do transtorno dos jogos eletrônicos, que agora consta da seção de transtornos que podem causar adição

Segundo publicação sobre o lançamento, na página da OPAS – Organização Pan Americana da Saúde, “há mais de uma década em desenvolvimento, a CID-11 fornece melhorias significativas em relação às versões anteriores.  

Pela primeira vez, é completamente eletrônica e possui um formato que facilita seu uso. Houve um envolvimento sem precedentes de profissionais de saúde, que se juntaram em reuniões colaborativas e submeteram propostas. A equipe da CID na sede da OMS recebeu mais de 10 mil propostas de revisão.” (veja na íntegra no site da OPAS) 

Redação: Marisol de Freitas Vieira
Revisor: Dr. Cláudio J. Trezub

MATERIAL EXTRA:
Veja tudo sobre a CID 11 – Site em inglês da OMS
CID11 na integra – Conteúdo em inglês


Gostaria de entrar em contato comigo? Basta deixar seu comentário abaixo ou nos enviar um e-mail
Algum link não funciona? Nos avise!